Médicos de planos de saúde paralisam serviços nesta quinta

06 / 04 / 11

Médicos se mobilizam contra empresas que intermediam a prestação de serviços

A diretoria do Sinmed promoverá nesta quinta-feira, 7 de abril – Dia Nacional de Paralisação dos Planos de Saúde – um café da manhã com a imprensa. Na oportunidade, serão repassadas aos jornalistas informações sobre os motivos que levaram as entidades médicas brasileiras a mobilizarem mais de 160 mil médicos na luta contra as empresas que intermediam a prestação de serviços de saúde.

O encontro acontecerá a partir das 8 horas, na sede do sindicato, e terá participação de representantes do Cremal, Sociedade de Medicina, cooperativas de especialidades, associações e sociedades médicas, além das cooperativas de médicos de hospitais.

As entidades médicas reivindicam a implantação da CBHPM para correção de distorções e atualização dos honorários médicos pagos pelos planos de saúde. As empresas, que anualmente reajustam os valores das mensalidades cobradas dos usuários, não repassam os reajustes para os honorários dos profissionais, que estão defasados, dificultando a manutenção de consultórios, clínicas, centros de diagnóstico e até de hospitais conveniados.

Por conta disso, vários especialistas, em todo o país, já deixaram de atender pelos planos de saúde. Em Alagoas, os muitos planos de saúde não contam com especialistas em áreas como urologia e oftalmologia, havendo ameaças de descredenciamento de especialistas de outras áreas nos planos de saúde que praticam as tabelas mais defasadas.

Estas e outras informações serão detalhadas à imprensa durante o café da manhã que marcará, em Maceió, o Dia Sem Planos de Saúde. As entidades nacionais à frente do movimento são a Federação Nacional dos Médicos (Fenam), o Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Médica Brasileira (AMB), que estão assinaram juntas uma carta aos médicos e uma carta à população, pedido adesão ao movimento e explicando os motivos da paralisação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *