Campanha contra gripe é prorrogada até dia 27

20 / 05 / 11

A prorrogação é consequência dos efeitos das chuvas, que deixaram alguns municípios alagoanos em situação de emergência

Alagoas é o primeiro estado do Nordeste e o quinto do Brasil a alcançar a meta de vacinação contra a Influenza, que segundo o Ministério da Saúde (MS) corresponde a 80%. Mesmo assim, em 46 dos 102 municípios alagoanos que não atingiram a meta a vacinação vai continuar. A decisão foi anunciada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) que prorrogou até o dia 27 deste mês a campanha de imunização.

Em números absolutos, dos 463.898 alagoanos preconizados, 376.656 já foram vacinados, o que corresponde a 81,3%. Quanto ao índice de vacinação, Maravilha já vacinou 100% da população, seguido de Lagoa da Canoa, que imunizou 99,39% e de Boca da Mata, que vacinou 99,24%.

A prorrogação é consequência dos efeitos das chuvas, que deixaram alguns municípios alagoanos em situação de emergência, segundo o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Toledo. Como se não bastasse, para vacinar crianças, gestantes, idosos e indígenas, os técnicos de enfermagem ainda são obrigados a percorrer locais de difícil acesso, a exemplo de povoados e sítios.

Entre os 46 municípios que até esta sexta-feira (20) não haviam atingido a meta de vacinação, estão Porto de Pedras, que aparece com o menor índice, 57%, seguido por Roteiro, que imunizou apenas 58,50% da população. Na terceira colocação aparece Coqueiro Seco, onde 58,68% dos habitantes foram imunizados, além de Piranhas e Jacuípe, que atingiram as metas de 60,41% E 60,53% respectivamente.

Alagoas se destaca com melhor cobertura em relação ao idoso, pois já vacinou 88% deles, o que corresponde a 219.597 pessoas. Ainda de acordo com dados do PNI já foram vacinadas 74.424 crianças, 41.093 trabalhadores da Saúde, 31.533 gestantes e 10.009 indígenas.

Balanço positivo – Segundo o secretário de Saúde, Alexandre Toledo, a união de esforços empreendidos entre Estado e municípios foi determinante para que Alagoas tivesse alcançado a meta de vacinação contra a Influenza. “Para atingir a meta satisfatória de cobertura vacinal as ações em parceria foram fundamentais, tendo em vista ainda, as dificuldades, principalmente em decorrência das chuvas, onde tivemos que disponibilizar caminhonetes de tração para percorrer os locais de difícil acesso”, frisou.

Ainda de acordo com ele, se imunizar contra a Influenza é importante porque a vacina evita a gripe normal, além da Gripe A e H3N2. “Essa é uma vacina muito importante, pois de uma só vez é possível prevenir três doenças. Daí a importância do comparecimento da população nos locais de votação”, ressaltou Toledo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *