Forças de segurança deflagram operação em Maceió e Arapiraca

27 / 06 / 12

Patrulhamento ostensivo começou a ser intensificado a partir desta quarta-feira pela Polícia Militar, com apoio da Polícia Civil, Força Nacional, Polícia Rodoviária Federal e Guarda Municipal

Integrantes das forças policiais de segurança estaduais e federais deflagraram, na manhã desta quarta-feira (27), operações policiais integradas para execução de mandados de prisão e de busca e apreensão em Maceió e em Arapiraca. As operações integram o conjunto de ações que constituem o programa Brasil Mais Seguro – Quem ama Alagoas Constrói a Paz, lançado pelo governador Teotonio Vilela, o ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, e autoridades dos poderes constituídos em âmbitos estadual, federal e municipal, com a participação ativa de representantes de entidades.

Com apoio da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Força Nacional, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Guarda Municipal, a operação colocou nas ruas desde as primeiras horas da manhã um efetivo de 550 policiais nas duas principais cidades alagoanas.

Durante a megaoperação, estão sendo realizadas diversas modalidades de policiamento ostensivo, como blitz, varreduras, ocupação e saturação de áreas críticas, além do cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão.

Até o final do dia, estão sendo realizados bloqueios de vias nas entradas e saídas da capital, com apoio de equipes da PRF, que também irá disponibilizar um helicóptero para o patrulhamento aéreo. Ao todo, a operação conta com o apoio de três aeronaves – incluindo a do Bope, PRF e mais uma disponibilizada pela PM de Minas Gerais – e três lanchas do Batalhão Ambiental, Corpo de Bombeiros e a do IMA (Instituto do Meio Ambiente).

Também durante todo o dia, haverá policiamento de saturação com abordagens e patrulhamento em diversas áreas críticas que registram altos índices de homicídios, como os bairros de Jaraguá, Vergel, Ponta Grossa, Trapiche, Levada, Bom Parto, Clima Bom, Chã da Jaqueira, Jacintinho, Cidade Universitária e Santos Dumont.

As Forças de Segurança também estão ocupando comunidades localizadas nas partes baixa e alta da capital, visando combater o tráfico de drogas. Estão sendo ocupados áreas dos conjuntos Cidade Sorriso e Frei Damião e que abrange o bairro do Trapiche até o Vergel e da Chã da Jaqueira, dentre outras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *