No Rumo do Uçá será exibido no Vela Verde

05 / 06 / 13

Documentário ambiental foi produzido pelo MPF e Ibama em Alagoas; exibição será na praia de Pajuçara

O documentário ambiental No Rumo do Uçá, produzido pelo Ministério Público Federal (MPF) e Ibama em Alagoas, será exibido na sexta-feira (7/6), a partir das 19 horas no Vela Verde – Sessão Braskem de Cinema Ambiental, na praia da Pajuçara, próximo a Balança dos Pescadores. A iniciativa é da organização não governamental Ideário, em parceria com a Braskem.

O Vela Verde segue os moldes do bem sucedido projeto Acenda uma Vela, realizado pela Ideário, que também utiliza uma vela de jangada como tela. Segundo os organizadores, o evento lança um novo projeto de exibição de filmes, visando ampliar os espaços de difusão audiovisual na temática ambiental, de forma criativa e interativa.

“Não pode haver espaço mais apropriado para uma mostra de cinema ambiental do que a vela aberta de uma jangada à beira mar”, afirma o curador da sessão, o cineasta Hermano Figueiredo. Ao todo, serão exibidos oito documentários de vários estados brasileiros, mas todos tratando da temática ambiental.

No Rumo Do Uçá – Filmado em 2011 e finalizado no ano passado, o documentário surgiu de uma compensação ambiental determinada pela Justiça Federal, em ação proposta pelo MPF em 2008. A realização ficou a cargo da assessoria de comunicação do próprio MPF em parceria com o núcleo de biodiversidade do Ibama, em Alagoas.

Além de ter recebido o X Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça, no ano passado, No Rumo do Uçá foi exibido no 9º Festcine Amazônia, IV Fatu – Festival Brasileiro de Filmes de Aventura, Turismo e Sustentabilidade e selecionado para o IV Circuito Tela Verde, com 1,5 mil pontos de exibição por todo o país.

Veja o trailer de No Rumo do Uçá aqui: http://www.youtube.com/watch?v=RNHuifHUksI

Saiba mais sobre o Vela Verde aqui: http://www.facebook.com/velaverde.cinema

Confira a sinopse dos filmes que serão exibidos no Vela Verde.

CALANGO LENGO, MORTE E VIDA SEM VER ÁGUA | Direção: Fernando Miller | 9 min e 31 seg | Animação | 2008 | Rio de Janeiro. Calango Lengo, nordestino, tem que cumprir seu destino sem ter o que pôr no prato. Na seca não há outra sorte: viver fugindo da morte como foge o rato do gato.

CHOVEU! E DAÍ? | Direção: Hermano Figueiredo | 11min | 2002 | Maceió-AL. Um filme documentário sobre a experiência do Projeto Círculos de educação popular no semiárido alagoano. Apresenta experiências de vivência do homem com o clima, apoiando-se na base da rica cultura popular nordestina.

A ILHA | Direção: Alê Camargo | Animação | 9min47seg | 2008 | Brasília-DF. Conta a história de Edu que fica ilhado numa metrópole. O filme aborda de maneira bem-humorada as dificuldades de se viver numa cidade grande. O simples ato de atravessar uma rua pode ser um problema.

Ô XENTE, POIS NÃO | Direção: Joaquim Assis | Documentário | 22 min | 1973 | Pernambuco. Famílias camponesas do meio rural pernambucano desenvolvem um forte espírito comunitário, unindo-se para enfrentar a seca e a fome na região. Apresenta de forma poética e repleta de sabedoria uma visão da sociedade e do meio ambiente.

O VELHO E A LAGOA | Direção: Márcio Nascimento | 10min30seg | Documentário | Alagoas. Mestre Moreira e sua sustentável convivência com a Lagoa Mundaú. Realizado durante o Atelier Sesc de Cinema.

NO RUMO DO UÇÁ| Direção: Wladymir Lima | Documentário | 23 min | 2013 | Alagoas. A ameaça da construção civil e do turismo sobre um dos ecossistemas mais frágeis e importantes do planeta. Os manguezais são berçários de espécies e possuem riquezas ainda não totalmente conhecidas, como a própolis vermelha exclusiva dos mangues alagoanos.

O GRANDE EVENTO| Direção: Thomas Larson | 1min20seg | 2012 | Brasil. O grandiosíssimo Atail Menezes faz a cobertura do evento mais importante da história da humanidade. A animação GRANDE EVENTO será exibida na Vela Verde.

PIMP MY CARROÇA| Direção: Andre Leon Mosditchian e Mauro Moreira| 15min 50seg | São Paulo |2012. Idealizada pelo grafiteiro e ativista Mundano, a mobilização coletiva PIMP MY CARROÇA tomou as ruas de São Paulo, valorizando os catadores de materiais recicláveis, associando o grafite com uma mensagem social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *