Aylton

Os pardais, a mídia comprada e os políticos venais

Gastando quase dez milhões de reais (que deveriam ter destino mais apropriado – saúde, educação, etc) o prefeito Rui Palmeira patrocinou a volta dos famigerados e quase esquecidos pardais em algumas ruas e avenidas de Maceió. Evidentemente esta atitude da prefeitura é tão somente para aumentar a arrecadação municipal com a multiplicação de multas de transito. E aí vem um “senhor” da SMTT em programas de rádios e TV querendo engazopar a população afirmando que essas arapucas servirão para EDUCAR os motoristas que, no final das contas, servem de trouxas, imbecis, bodes expiatórios nas mãos desse órgão que, aqui pra nós, presta um mau serviço ao cidadão. E tome mão no bolso dos coitados dos já explorados contribuintes.
É lógico que a atitude de Rui teve a “autorização” da Câmara de Vereadores. Também pudera: RP domina aquela casa de A Z. A cidade foi esquartejada e cada naco do município e suas secretarias foram distribuídas a praticamente maioria de vereadores que lhes prestam subserviência. Aliás dá até pra apostar que se o prefeito mandar para lá um projeto instituindo a pena de morte é até capaz de ser aprovado , tal é a bajulidade que lhes prestam os políticos que alí tem assento.
Enquanto isso temos a buraqueira do Benedito Bentes, a lagoa Mundaú abandonada, nossas praias que viraram um verdadeiro penicão, a reurbanização da favela de Jaraguá que caiu no esquecimento, o cemitério Divina Pastora com cadáveres à mostra, o VLT sem avançar um centímetro sequer, os arredores dos mercados da Produção e do Artesanato que viraram um grande lixão, as praças tomadas por um monte de vendedores de cachaça/churrasquinho sem o mínimo de higiene (os frequentadores mijam no pé do poste), o Salgadinho que continua uma vergonha dos maceioenses, as obras do Reginaldo que viraram um pé de cobra, bueiros e grelhas entupidos com esgotos escorrendo a céu aberto e o Alagoinha que continua a ser um anti cartão postal de nossa cidade.
E haja falta de saúde para o povo e haja falta de salas de aula para a criançada e haja mídia contratada a peso de ouro e tome uma enxurrada de publicidade em todos os meios de comunicação, inclusive nas redes sociais. O alcaide reconhecidamente é um bom rapaz, é de paz e seu secretário de comunicação sabe muito bem como explorar o seu lado humano e principalmente o seu momento político.
E assim com “entrevistas” marcadas por puxa-saquismo e “reportagens” idem, Rui caminha a passos largos para sua reeleição.
Assim…até eu!
Sobre os pardais ainda tem mais: Se você sai da Fernandes Lima e vai para Via Expressa pode cair numa armadilha. A primeira é de 60 km e a outra é de 50 e aí, sem querer e por distração, você se ferra!
Acho que as duas vias deveriam ter a mesma velocidade. Ou 50 ou 60 KM.
Será que esta diferença é proposital?
.-.-.-.-.-.-.-.-.-
E-mails e outros meios
*Marluce P. S. quer saber se sou a favor da mesma idade para aposentadoria do homem e da mulher.
#Sou totalmente a favor. Direitos e deveres iguais. Porque a diferença?
Por que a discriminação?
Igualdade já!
.-.-.-.-.-.-.-.-.
*Roberto W. N. pergunta: Aylton, você que já foi publicitário, o que acha da situação do João Santana, o homem da publicidade e marqueteiro do PT?
#Roberto a situação do rapaz é dificílima. Mais da metade do que ele ganhou, enganando a população nestas últimas eleições, vai gastar com advogados e mesmo assim, se a Justiça for pra valer, vai pegar alguns aninhos de cadeia. Ele e sua sétima mulher. É, parece que o número 7 para ele cabalístico. Ele se gabava de que tinha eleito 7 presidentes.
Agora, além de perder uma bolada de mais de 10 milhões numa eleição de uma republiqueta da América Central ainda teve bloqueado a astronômica soma de 32 milhões em suas contas bancárias e viu cair em suas costas um monte de processos. A vida pra ele não vai ser fácil.
É…quem mandou mentir?!
…-.-.-.-.-.-.-.-.-.
*Natália D. P. quer minha opinião sobre a próxima eleição para vereador.
#Natália, quem tem um bocado de dinheiro pra gastar e contar com apoio de quem está no poder (Renan, Collor e mais uns dez) pode chegar lá.
A não ser que dê zebra.
Quem não tem nenhuma coisa nem outra, tá ferrado e tem que se fazer de bonzinho.
Nesse caso, conheço um que é tão bom que quando vê um homem nu é capaz de tirar as calças e dar pra ele.
…-.-.-.-.-.-.-.
*Lúcia O. A. deu uma boa notícia. É que leu na Gazeta de domingo que foram criados vários grupos para monitorar os rios existentes na mata atlântica em Alagoas.
#Lúcia, acho uma excelente iniciativa que deu certo no rio Sena, Mississipi e outros ao redor do mundo. No Brasil começou pelo Tietê em São Paulo. Temos que salvar nossos rios contra o desmatamento em torno de suas margens, poluição, assoreamento, pesca predatória e outros males praticados pelo homem. Pode até demorar dezenas de anos, mas vale a pena. Vai ser bom para nossos filhos, para nossos netos.
E estou feliz por saber que o rio Camaragibe, que passa pela minha velha cidade, Passo de Camaragibe, faz parte desse contexto!
.-.-.-.-.-.-.-.-.-…
Na próxima semana
-Lula, acuado, dá uma de menino amarelo
-Deputado diz que congresso parece um bordel. Tá certo ou tá errado?
-Quem vai querer Dilma se ela sair do PT?
-Candidato ateu perdeu eleição por não distribuir santinho

Este Blog é independente, todo conteúdo é de responsabilidade do seu idealizador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *