Homens suspeitos de receptar e vender carros clonados são presos em operação da Polícia Civil em AL

06 / 05 / 20

Um dos presos é um policial militar reformado. Segundo a polícia, eles revendiam os veículos, que eram roubados ou furtados.

Carro apreendido em operação da Deic em Alagoas — Foto: Ascom/Polícia Civil

Uma operação da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) prendeu três homens que faziam parte de um grupo que participava de um esquema de clonagem, comercialização e receptação de veículos, produtos de roubo ou furto. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (6).

As prisões ocorreram na terça (5), após investigação do Núcleo de Inteligência da Deic. Um dos líderes do grupo e o primeiro a ser preso tem 60 anos. Ele estava no município de Paripueira, e seria responsável por receber, clonar e vender os veículos. No momento da prisão, ele estava com dois desses carros, e segundo a polícia, tem antecedentes criminais.

O segundo tem 54 anos e foi preso no bairro da Gruta de Lourdes, em Maceió. Ele é um dos receptadores e usava um dos carros com documento falso por conta da clonagem do veículo.

O terceiro tem 65 anos e é um policial militar reformado. No momento da prisão, que ocorreu no município de Pilar, ele estava com um dos carros clonados, documento falso e em posse de um revólver calibre 38 ilegalmente, com 6 munições.

As prisões foram feitas sob o comando do delegado Gustavo Henrique, da Deic, com o apoio do Tático Integrado (Tigre).

“Ao todo foram apreendidos quatro veículos, sendo dois Corolas, um Up e um HRV, além de um revólver calibre 38 com as munições, ilegalmente em poder de um dos presos”, relatou o delegado.

Os presos foram encaminhados para a sede da Deic, para os procedimentos cabíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *